Mostrando postagens com marcador Sexo. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Sexo. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 20 de novembro de 2015

Deixe-me Ser o Único – Os Sullivans Vol. 6 – Bella Andre


Sinopse: Quando Vicki Bennett salvou a vida de Ryan Sullivan quando era ainda um adolescente,

iniciou-se uma grande amizade que nunca vacilou, apesar de seu casamento fracassado com outra pessoa e Ryan merecer a reputação como um homem das senhoras. Então, quando ela de repente precisa de um namorado de mentira para protegê-la e a sua carreira para conter um avanço poderoso de um homem, ele é a única pessoa em quem ela pode imaginar. Ryan vai fazer qualquer coisa para proteger Vicki, mas quando seus beijos “falsos” e carícias levam a uma noite incrivelmente sensual a que nenhum deles pôde resistir, ele vai ver que cometeu o maior erro de todos por comprometer irreparavelmente a sua amizade? Ou é possível que o que eles tanto procuram tenha estado lá o tempo todo … e a combinação perfeita de mau e doce, amizade e amor, está finalmente ao seu alcance?

Opinião da Blogueira: Na minha humilde opinião de leitora compulsiva este é o melhor livro da série, trás consigo o conceito de amizade virando amor. Não dizem todos que para se ter um bom relacionamento é necessário ser amigo do companheiro? O livro retrata uma história simples de amizade, contudo o contexto é extraordinário. Uma artista e um jogador, os dois trabalham com as mãos, os dois são ligados a família e os dois sempre se amaram. O amor sempre procura uma segunda, terceira, chance e nesse livro isso aconteceu. O único ponto negativo é a falta de alusão ao inicio da amizade, isso deixa a história meio que sem suporte, mas num contexto geral o livro é envolvente e sexy. LEITURA RECOMENDADA!

OBS: Envio livros somente por e mail!
LEIA MAIS

quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Se Você Fosse Minha – Os Sullivans Vol. 5 – Bella Andre

Sinopse: Podem duas pessoas que tanto brigaram encontrarem o amor para sempre nos braços um do
outro?
  A última coisa que quer é Zach Sullivan para cuidar do novo cachorro de seu irmão por duas semanas. Até que ele se encontra com a treinadora de cães, que é Heather, ela é brilhante, bonita, e ele não pode parar de pensar nela. Infelizmente, ela só poderia ser a única mulher no mundo que não quer nada com ele.
  Heather Linsey não posso acreditar que ela está presa trabalhando com um dos cães do magnata da auto-shop Zach Sullivan. Especialmente quando seu foco está claro desde o início não é só para aprender a lidar com seu cachorro temporário … mas também para ter Heather. Ela jurou não amar, quando tinha 17 anos ela percebeu que o amor era nada mais do que um monte de mentiras, ela manteve sua promessa de nunca se apaixonar por um homem encantador.
  Mas como a determinação de Heather para empurrar Zach longe apenas alimenta sua determinação de chegar mais perto, ea conexão sensual e emocional entre eles cresce mais e mais inegável-se o maior garoto Sullivan ruim de todos vai tentá-la a acreditar no amor de novo?

Opinião da blogueira: O livro que relata a história de Zach e Heather é emocionante, além de dividir a trajetória desses dois personagens que guardam seus próprios demônios, trás em cena dois bichinhos de estimação que passam a fazer parte dessa família. Além dos dois se apaixonarem, os bichinhos também. O que mais belo do que isso? A louca família Sullivan, está a espera de mais um herdeiro, e ele nasce justamente no dia da morte do papai Sullivan, creio que foi uma boa saca da Bella. Observem as reações do clã! Boa leitura

AVISO: Devido a denúncias disponibilizo o livro somente por e mail. Comente seu e mail que lhe envio o livro o mais rápido possível. 
LEIA MAIS

quarta-feira, 24 de junho de 2015

Amizade colorida...Rola? #AssuntoTabu

Você ai já assistiu o filme "Amizade Colorida", com Justin Timberlake e Mila Kunis? Se não fica a dica de uma ótima comédia romântica. (Sim, eu amo comédias românticas). Pois bem, vamos ao assunto centro de toda essa conversa, você acha que uma amizade colorida pode dar certo? Em qualquer relacionamento, sabemos o quão importante a amizade entre os dois comanda o bom funcionamento. Então, que mal tem unir o útil ao agradável e passar a ter uma relação mais íntima com seu ou sua amiga (o)? Como no filme relata, e sim isso é um spoiler, eles acabam se apaixonando. Isso acontece muitas vezes, na verdade são raras as vezes que os dois conseguem separar a relação íntima da sentimental, poré
m eu mesma conheço casos em que isso aconteceu de verdade. Os dois viraram "amigos coloridos", tiveram um bocado de sexo e depois a vida seguiu normal. Mas eaí, me diga você amizade colorida pode dar certo?




LEIA MAIS

terça-feira, 14 de abril de 2015

Série With Me In Seattle #2 Fight With Me




O livro segue contando a história dessa grande e amada família, que graças ao livro 1 ganhou novos integrantes. O centro da história é o casal, Nate e Jules. Nate é chefe de Jules em uma empresa de investimentos, e depois de longos meses de tensão sexual eles acabam sedendo e tendo uma noite de amor e prazer, mas ela sai escondida de manhã e vai para a casa arrependida, imaginando que quando ele disse que precisavam conversar, ele queria dizer que não queria levar aquilo a diante. Mal sabia Jules que meses depois, Nate iria implorar para que ela passasse um final de semana com ele e parasse de fugir do sentimento que ele tem por ela e ela por ele. Depois de um final de semana regado a muito sexo, inclusive na motocicleta de Nate, o casal decide levar o relacionamento adiante. Até que sua ex mulher aparece, e a vida dos dois vira de cabeça para baixo.


Opinião da bogueira: Sou suspeita para falar de qualquer livro dessa série, afinal já a li e reli nem sei quantas vezes. Mas esse livro é o meu segundo preferido de todos! Cheio de ação e um romance de verdade, existe carinho e afeto, mas é muito mais real que o livro um, real e possível. Sem falar é claro dos lugares onde os pombinhos fazem sexo! É uma leitura divertida, que faz você se conectar com a história e sofrer junto. Recomendo!



LEIA MAIS

terça-feira, 7 de abril de 2015

Série With Me in Seattle #1 (Fica Comigo)

Eae minha gente linda, tudo certo? Sentindo saudades dessas resenhas delícias e downloads gratuitos para manter o vício de ler? Eu tava, vou confessar que estava. Como nas últimas semanas os conteúdos digamos "polêmicos e tabus" tomaram conta da minha mente, vocês viram. Vim trazer hoje o primeiro livro de uma série que eu sou louca de paixão. já li cada livro umas três vezes no mínimo. Se você gostou dos livros da Série The Sullivans que postei aqui no blog, você irá amar essa série aqui também. A autora é Kristen Proby, essa mulher é de mais. Vou trazer aqui no blog ainda muuitos livros dela, vocês irão ver. E alguns com vídeos! Oba, me verão cantando e palhaçando como em todo vídeo haha. Vamos parar de enrolação e ir então!



Stay with me #1

O livro gira em torno de um casal principal, Natalie e Lucas. A família dos dois é super presente, o que torna a leitura bastante divertida e acolhedora. Nat como é chamada conhece Lucas quando ela esta fotografando em uma praia magnifica do local onde ela mora. Ele pensa que ela é uma paparazzi e tenta a todo custo arrancar a câmera das mãos delas. O detalhe porém, é que ela não reconhece Lucas, ele é uma grande estrela de cinema. Ele se sente tão atraído por ser tratado como uma "pessoa normal" que tenta de tudo para que Nat de uma chance aos dois. Mas a nossa querida fotógrafa tem alguns monstros e esqueletos em seu armário que precisa enfrentar para que o relacionamento de certo e o mais importante, Luke precisa contar a verdade pra ela. Não tem a chance de contar porque Jules, melhor amiga e companheira de quarto de Nat vê Luke e entra em um colapso como se fosse uma adolescente. Ela odeia meias verdades e ele é ciumento em relação ao seu trabalho. Leia o livro e descubra como eles fazem dar certo, em meio a muito sexy e pieguices! 

LEIA MAIS

quarta-feira, 1 de abril de 2015

Série The Sullivans #5, #6,#7, #8, #9, #10,#11, #12


Gente, como a série é muito extensa e eu acabava fazendo resenha por resenha, decidi disponibilizar toda a série para download de uma vezinha só. Por favor leiam! Vocês não irão se arrepender, a história de Zac é uma das mais emocionantes.

LEIA MAIS

terça-feira, 31 de março de 2015

Masturbação feminina, pode?


Eae meninas, pode? É um assunto delicado não é? Mas por quê? Falar que o cara vai "bater uma" é super normal, vemos comentários assim todos os dias. Então sabem de uma coisa? Porque menina não pode se masturbar? Sexo já é um assunto delicado em vários círculos assim como mencionei no post "Discuta sobre SEXO". E um dos caminhos do sexo que carrega mais pre conceito é justamente esse. Agora me digam vocês, nunca leram um conto erótico ou um livro desses que eu posto e se sentiram completamente excitadas? Uma vontade louca de fazer sexo, mediante as cenas descritas? Mas ai o namorado/marido não estava por perto, então você fez o que? Tomou banho gelado, ficou com a tal dor de frustração sexual? Se toca mulher, me desculpe o trocadilho mas o que custa parar de ser preguiçosa? Levar sua mão até o local onde você precisa SIM de atenção. Muitos caras precisam de direcionamento na hora H, quem diz somos nós então obviamente sabemos como queremos ser tocadas. Obviamente não será a mesma sensação de ser penetrada, ser possuída como muitas dizem, mas quem não é hétero por exemplo, é muito feliz obrigada sem precisar de penetração. As preliminares são incríveis e satisfatórias, e você pode realizar grande parte sozinha. Feche os olhos, se imagine com seu affair, se imagine na situação que te excitou e então se de prazer, se possibilite essa sensação, você merece. E ah, viva os orgasmos! ;)

Veja Também!

-Sexo Oral (na mulher)
Dica de compra:

"Guia do sexo"

"Guia da Sedução"
LEIA MAIS

segunda-feira, 30 de março de 2015

Série The Sullivans- livro 4- Só tenho olhos para você


Sinopse:
Sophie Sullivan, uma bibliotecária de São Francisco, tinha cinco anos de idade quando se apaixonou por Jake McCann. Vinte anos depois, estava convencida de que o bad boy ainda a via como a gêmea Sullivan boazinha. Isso quando ele se dava ao trabalho de olhar para ela. Ao se envolver na magia do primeiro casamento dos Sullivan, Sophie sente que já passou da hora de fazer o que quer que seja preciso para que Jake a veja como a mulher que realmente é. 

No entanto, ela terá dificuldade em mostrar a Jake que pode ser uma mulher forte e decidida, capaz de amá-lo para sempre. E não só porque ela é a inacessível irmã de seus melhores amigos, mas porque ele tem medo de tê-la perto demais. Na verdade, ele desconfia que seu segredo mais vergonhoso poderá ser desvendado. 

Sophie é uma mulher doce, protegida por seus irmãos. Sempre foi apaixonada por Jake, que é o bad boy encarnado. Um dia ela decide fazer algo e seduz Jake. O resultado dessa ação, faz com que Jake a faça ficar com ele, tentando levá-la ao casamento, mas a pequena Sullivan tenta resisti de todas as formas, afinal ela só queria que Jake a amasse. Leia o livro e descubra se ela consegue o amor de Jake McCann. 



LEIA MAIS

Discuta sobre sexo!

Sexo, o assunto criticado, defendido, debatido o coitado. Mas a verdade é que ele sempre esta entre os principais assuntos. Você que acompanha o blog sabe que grande parte do conteúdo gira em torno do assunto. Mas você sabe por quê? Além é claro, de minha óbvia fascinação por escrever cenas de sexo? Bem, muitos amigos me catalogariam como uma pessoa um tanto quanto polêmica, minha mãe diz que quando me formar em encontrar um emprego em minha área (jornalismo) serei demitida na primeira semana. Tudo isso porque eu simplesmente adoro de paixão, colocar em debate assuntos que muitos fogem. Aqui no blog já falei sobre feminismo, sobre a legalização da maconha, questões de caráter, valores. Até mesmo sobre religião. Mas insisto em bater na tecla do sexo porque ele é importante. Muitas religiões, ou valores antigos de família, insistem que o assunto deve ser um tabu, mas eu lhes peço: Por quê? O sexo é normal, se não fosse por ele não estaríamos aqui (salvo os que vieram a vida por outros procedimentos). Porque não espalhar como uma mulher gosta de ser tratada na cama? Toda mulher merece sim gozar, não é 'pa pum, muito obrigado senhora'. Você deve saber como se cuidar, conhecer os riscos de cada método de contracepção. Mas acima de tudo, você deve ser feliz sexualmente, com um parceiro ou lhe proporcionando prazer a si mesmo. Sexo deve sim ser debatido, assim como tantos outros temas que insistem jogar "para baixo do tapeto"


LEIA MAIS

domingo, 29 de março de 2015

Série The Sullivans, livro 3- Impossível não se apaixonar



Quando Gabe Sullivan vai responder uma chamada de incêndio, seu caminho cruza com a linda e jovem mãe Megan Harris, sua jovem filha tem o nome de Summer. Gabe as encontra em uma banheira, já em estado critico devido a fumaça. Ele consegue salvar as duas do incêndio porém acaba se machucando, quando as duas vão fazer uma visita no hospital Gabe as trata de modo frio devido a problemas do sue passado. O destino como sempre pregando suas peças revela que Megan foi colega na faculdade da irmã mais nova de Gabe, o que acaba os aproximando mais a cada evento de sua grande família. Uma viajem planejada por Summer para que os dois finalmente fiquem juntos parece dar resultado, não fosse a aversão de Megan por homens que encaram o perigo todos os dias, e a de Gabe, por não namorar alguém que salvou. 
Uma história que pode te fazer chorar, se emocionar. Mas que com absoluta certeza, te fará sorrir, rir, gargalhar e fica completamente excitada (o). Leiam essa continuação da série The Sullivans e amem ainda mais essa família contagiante. 




LEIA MAIS

quinta-feira, 26 de março de 2015

Série The Sullivans- 2- A partir desse momento



Por trinta e seis anos, Marcus Sullivan foi o irmão mais velho responsável, intervindo para cuidar de seus sete irmãos depois que seu pai morreu quando eles eram crianças. Mas quando o futuro perfeitamente ordenado que ele planejou para si mesmo acaba por não ser nada além de uma mentira, Marcus precisa de uma noite despreocupada para agitar livre de isso tudo.  Nicola Harding é conhecida em todo o mundo por apenas um nome — Nico — por suas cativantes, sensuais canções pop. Só, o que ninguém sabe sobre a cantora de vinte e cinco anos é que sua imagem de gatinha sexual é totalmente falsa. Depois de uma traição terrível de um homem que amava muito mais a fama do que a amava, ela prometeu a si mesmo, não deixar ninguém chegar perto o suficiente para descobrir quem ela realmente é... ou machucá-la novamente. Especialmente o estranho lindo que conheceu em uma boate, apesar de que a fome — e as promessas pecadoras — em seus olhos escuros a faziam querer derramar todos os seus segredos.  Uma noite é tudo que Nicola e Marcus concordam em compartilhar um com o outro. Mas nada sai como planejaram quando, em vez de simplesmente emaranhar seus membros, eles encontram uma conexão muito mais profunda do que qualquer um deles poderia ter antecipado. E mesmo que ambos tentem lutar contra isso — crescentes emoções e atração chiando — os acaba atraindo mais próximos. 
Perto o suficiente para se perguntarem se roubar mais alguns momentos secretos juntos podem nunca ser suficiente?

LEIA MAIS

quarta-feira, 25 de março de 2015

Ei li um conto por ai



Gente, o texto a seguir foi retirado do Site Conto Erótico, e seu autor é Dany98. Obviamente é um "codinome". Erros de português e escape da realidade são de responsabilidade do autor. Leiam, eu gostei. 


"Olá, tenho 16 anos, sou branca com cabelos loiros , longos e lisos, 1,73 e tenho um corpinho malhado, seios redondinhos, bonitos, grandes e uma bundinha que atrai muitos olhares masculinos. Vou lhes contar uma aventura que tive com meu namorado de 18 anos, alto, moreno.Namoramos a distancia, quando nos vemos queremos matar toda a saudade. Era uma sexta feira, tinha recém chegado de viajem.Depois de matar parte das vontades em beijos deliciosos,comentou comigo que as seis horas todos iriam sair de casa, me convidando para ficar la, e quem sabe não transarmos ali mesmo. Em sua casa, estava com uma blusa preta apertadinha que marcava muito meus seios,assim pude perceber a sua excitação imediata,me recebeu com caricias e logo caímos no sofá com beijos provocantes.Ambos estávamos excitados,mais tive a impressão que não podia rolar nada ali. Em plena sala. Logo que falei, seu pai chega,dando um susto enorme e vergonha. Não sendo possível fazer algo mais ousado ali, ele me fez uma proposta tentadora de irmos ao seu quarto.Irreecusavel.Ao entrar em seu quarto, me apalpa inteirinha,seios bunda e jah me coloca em sua cama.

Eu adoro umas preliminares e por isso sempre atiço ao máximo, deixando ele louco por mim e eu totalmente molhada. 
Começeu com beijos demorados, fortes e intensos, ao mesmo tempo ele foi deslizando sua mão pelo meu corpo, começou nos cabelos, passando pelo meu rostinho, nuca.Continuou passando a mão pelos meus seios, descendo a alcinha da blusa carinhosamente, e logo lambeu o biquinho e beijou loucamente meus seios
Eu estava domada, estava absolutamente enlouquecida.Quando ele viu que eu estava excitada ao máximo, desabotoou minha calça, abaixou a calcinha e começou a lamber minha buceta passando a língua quentinha o que me deixou louquinha. 
De repente ele colocou as duas mãos por baixo da minha bundinha, e passou sua língua sobre meus grandes lábios, e deu um beijo intenso e forte passando vagarosamente toda a extensão da língua no meu clitóris, o que me fez estremecer,pirar.
Sua língua fazia um misto de movimentos circulares, verticais e horizontais sobre meu clitóris, o que me arrancava gemidos, meu corpo estava suado, eu já estava dizendo palavras sem sentido! Eu estava quase no orgasmo.Até que ele parou e veio ao meu lado colocou rapidamente seu dedo médio no meu clitóris e continuou os movimentos e me deu um orgasmo, eu gemia feito uma vadia.
Logo depois do orgasmo descansei alguns segundos e fui retribuir esse prazer maravilhoso. Abaixei sua calça e cueca e vi seu pau completamente duro, deve ter uns 17 centímetros e é bem grosso, então comecei a acariciar com a mão dando leves beijos. Notei que ele começou a se excitar, e então comecei a beijar com mais intensidade, beijos que envolviam a metade ou mais, fazia movimentos circulares com a língua sobre a cabeçinha.

Logo em seguida, aproveitando que o pau já estava molhado com os beijos, fiz movimentos de vai e vem com a mão, isso resultava uma respiração ofegante. Comecei devagarzinho aumentando a velocidade e a força com que eu segurava seu pau, que naquele instante já estava até expelindo um pouco de líquido. Repeti mais uma vez a sessão de beijos, o que o deixava louco, e novamente os movimentos com a mão, eu sabia que nessa hora ele ia chegar ao orgasmo, mas pra aumentar ainda mais seu prazer, parei os movimentos com a mão e dei mais beijos de vai e vem com a língua, e então continuei com os movimentos, ele tremia o corpo todo e estava suando. 
Agora sim, vendo que ele não agüentava mais, fiz os movimentos freneticamente com a mão até que ele começou a pedir pra não parar, eu espertinha quando vi que ele ia gozar, comecei a fazer os movimentos com a língua, e ele gozou na minha boca, senti um jato quente de esperma e minha boca ficou cheia a ponto de eu quase engasgar, mas era uma sensação maravilhosa ter aquele triunfo do prazer dentro da minha boquinha.

Bem, ficamos abraçadinhos por uns 10 minutos até ele se recuperar.Mais eu queria mais...
Ele logo aceitou e sem aviso algum, pulei em cima do seu colo, de modo que podia sentir a ponta do pênis tocando a minha calcinha, ele então me abraçou com força e começou a beijar meus biquinhos, então deixei ele beijar como um louco meus seios...e coloquei seu pau na minha bucetinha,começei a cavalgar no seu colo, pulava e ao mesmo tempo gemia,gritava,até que ele falava que ia gozar, assim sai do colo dele e começei a chupar seu pau durinho na minha boca,quase explodindo...foi ai que ele gozou na minha boca e pudi sentir novamente seu gozo delicioso me lambuzando internamente.
Logo após, escutamos alguem bater na porta,coloquei rapidamente minha roupa e fui ao computador esfriar meu corpo."

Gostou do conto? Aprova a ideia? Então deixe um +1 ai e acompanhe a mais contos. Siga o blog também. Beijinhos Gisi.

LEIA MAIS

terça-feira, 24 de março de 2015

Série Sea Breeze- Livro 7- Bad For You

Vício era algo que Krit Corbin aceitou como parte de sua natureza, há muito tempo. Ele decidiu adotá-lo e virar o dedo para as regras. As mulheres sempre tinham sido a primeira coisa em sua lista de vícios. Ele não conseguia o suficiente. Sendo o vocalista de uma banda de rock, ele tinha acesso mais fácil ao seu vício favorito. 
 Estar sozinha era a única coisa que Blythe Denton compreendia. A família do ministro da pequena cidade onde foi criada, não a tinha aceitado como sua própria. 
A esposa do ministro sempre tinha a certeza de que Blythe entendesse o quanto ela era indigna de amor. 
Quando Blythe foi enviada para a faculdade, foi uma chance de, finalmente, ser livre de viver como um fardo indesejável, ela olha para frente, para ter paz em sua vida. 
Estar sozinha não é algo que a incomodasse. 
Ela escapa da realidade nas histórias que ela escreve. 
 No entanto, o cara tatuado, ridiculamente sexy, que se mantém em constantes festas no apartamento acima do dela, está deixando-a louca. Para começar, ele não a trata como ela poderia esperar de um cara sempre com uma mulher diferente pendurada em seu braço fosse tratar alguém tão desinteressante quanto ela. Ela não se parece em nada com as mulheres lindas que ela vê desfilando dentro e fora de seu apartamento, mas por alguma estranha razão ele continua aparecendo em sua porta. Durante uma festa em seu apartamento, a nova vizinha de Krit chega à sua porta, com seu longo cabelo castanho puxado para cima em um nó bagunçado e um par de óculos empoleirados no nariz bonitinho. 
Ela quer que ele desligue a música, mas ele a convence a ficar. Krit Corbin pode ter encontrado o seu maior vício. 
E Blythe Denton percebe tarde demais que ela finalmente foi reivindicada.

LEIA MAIS

sexta-feira, 13 de março de 2015

Respirar, volume 1- Série Sea Brezze

Sinopse:

O trabalho de verão de Sadie White não vai ser na praia como salva-vidas ou trabalhando em barracas de aluguel como o resto das pessoas da sua idade. Com uma mãe solteira, grávida e que se nega a trabalhar, Sadie tem que substituí-la em seu trabalho como faxineira doméstica na casa de verão de uma família rica. Quando a família chega para sua escapada de verão, Sadie se surpreende ao descobrir que o dono da casa é Jax Stone, um dos adolescentes roqueiros mais ardentes do mundo. Se Sadie não tivesse passado toda sua vida praticamente criando sua mãe e cuidando da casa talvez pudesse ser normal o suficiente para sentir-se emocionada por trabalhar para uma estrela do rock.  Embora Sadie não se sinta impressionada pela fama do Jax, ele se sente atraído por ela. Tudo sobre Sadie o fascina, mas ele luta contra sua atração. As relações nunca funcionam em seu mundo e por mais que a queira, acredita que ela merece algo melhor. No final do verão, Jax descobre que não pode respirar sem Sadie.

 Minha opinião:Um livro que te prende ao emocional do casal do início ao fim, faz com que você fique torcendo por eles sabe? Querendo saber quando acontecerá o primeiro beijo, quando tudo dará certo. Se prepare para quebrar o coração e para talvez o ter divido pelo incremento de uma terceira pessoa, muito legal, gentil mas que não é Jax. Recomendo, e recomendo também que leiam os próximos da série, são quentes. Logo estarão aqui no blog! beijos Gih ;)
LEIA MAIS

segunda-feira, 9 de março de 2015

Trilogia Breathless- Maya Banks


Obsessão

Gabe, Jace e Ash são três milionários dos Estados Unidos, amigos desde a faculdade tiveram uma grande ideia para o negocio e força de vontade, o resultado foi o grande patrimônio que hoje possuem. O livro um da trilogia conta a história de Gabe, divorciado teve um rompimento turbulento com sua ex esposa exploradora e vingativa, e Mia, irmã de um de seus melhores amigos Jace. Mia sempre foi apaixonada por Gabe, desde que se lembra. Quando a oportunidade surge para que os dois fiquem juntos Gabe faz com que ela assine um contrato, se o relacionamento já não fosse tão turbulento , ele a pressiona a fazer um boquete em frente a seus futuros parceiros de negócios por simplesmente estar com medo de estar apaixonado. É uma história de amor quente e cheia de sexo sujo e selvagem. 


Delírio

Os três amigos contam a história novamente (Gabe, Ash e Jace). Agora porém quem conta a história é Jace. Qualquer um que olhe pode ver a grande ligação que o trio ostenta, porém a amizade de Ash e Jace vai além, os dois além de serem amigos, parceiros de negócios, têm o hábito de dividir mulheres. E é assim que a mulher por quem Jace se apaixona entra na história, Bethany tem uma noite quente de sexo com os dois milionários, porém Jace se encanta com a jovem moradora de rua que tenta ganhar a vida fazendo bicos como garçonete, o romance é cheio de dominância vinda da parte de Jace que ainda tem que lidar com o antigo amigo de Bethany que ela considera um irmão, porém na cabeça dele é algo a mais.


Fogo

Chegando ao terceiro e último livro da trilogia temos agora Ash, o mais divertido e descontraído do trio de amigos. Mas como viemos a compreender sobre esses cara, o lado dominante é a flor da pele. Em um dia caminhando, perdido em pensamentos pelo parque Ash vê uma jovem e promissora artista e muito bela por sinal, seu nome é Josie, mas pelo que ele pode perceber ela já tem um parceiro se o colar em seu pescoço significa o que ele pensa que significa, uma coleira. Mesmo assim decido Ash investe na mulher que roubou seus pensamentos desde aquele instante, passa a dar apoio a sua arte comprando seus quadros, porém quando Josie descobre ela se sente vendida. Reviravoltas acontecem além daquele velho e bom sexo quente. E pelo que se sabe um assassinato. 




LEIA MAIS

sábado, 7 de março de 2015

Ela foi até o fim. (Meg Cabot) Resenha!


Pois bem leitores, tudo certo? A resenha a seguir é do livro tão comentado da minha adorada Meg Cabot. Sendo um livro que fala explicitamnte como acontece o sexo, foi criticado por muitos que imaginam que a escritora deve seguir apenas na linha infanto-juvenil, que ocorreu em "Diário da Princesa", "A mediadora" e tantos outros. Em minha sincera opinião Meg Cabot acertou em cheio com esse livro, por quê? Porque a tornou uma escritora completa, falando de sexo com os pré adolescentes que acompanhavam seus livros, cresceram e continuam acompanhando nessa nova fase de sua vida. Vamos a resenha!

A história gira em torno de Lou Calabrese e Jack Townsed em essência.  Lou Calabrese é uma roteirista genial, premiada que descobre que o seu noivo, Bruno di Blase, que na verdade se chama Barry Kimmel se casou com Greta Woolston, a ex do modelo mais famoso e mulherengo de todos os tempos, Jack Tounsend, pessoa pela qual Lou simplesmente não deseja, que seja o último homem da Terra, e o pior a relação é recíproca.
Ambos embarcam em uma aeronave rumo ao Alasca, para assim filmarem a cena do mais novo projeto de Lou, porém é nas alturas que os mesmos passam por uma situação extrema de sobrevivência!
Através dessa situação, ambos descobrem que não se conheciam de verdade e pré-conceitos são derrubados, deixando para ambos várias qualidades em comum. Obviamente após a descoberta o romance aflora, em uma noite fria numa casa que encontraram no meio da floresta acontece sua primeira noite tórrida de amor. Eae a curiosidade aflorou? Então clica e baixa o livro! Beijos meus lindos.

LEIA MAIS

quinta-feira, 5 de março de 2015

Lê um conto comigo? (Anie e Henrique)

Annie


Vamos amor, leia comigo. Era pelo menos a décima vez que implorava para que o teimoso do Henrique lesse o romance comigo, então tive uma ideia que tinha certeza o faria aceitar. -Seguinte, eu serei a Juliet e você o Jax, o que eles fizerem nós faremos. Percebi que em seu olhar que eu havia vencido, o sacana não tinha ideia, me deu vontade de rir histericamente. -Certo, então tudo bem.

Mirei em uma parte que estava lendo aos poucos, narrada por Juliet.

"Então ele me chamou de covarde! Explodi na hora, como se atreve? Eu nunca tentaria me matar jamais. -Você é uma covarde, princesinha, ninguém te ouve. Então a princesinha em questão acertou um sequência de socos em seu braço de arremessador"

Repeti os movimentos, primeiro me lembrando o quão egoísta ele foi por aceitar ler comigo apenas pela perspectiva de ter sexo, então o resto rindo da cara de traído de Henrique. -Você lê romance erótico, não documentários de luta livre, você me enganou pirralha! Me divertia com sua careta de dor. Então Henrique passou a ler a sua parte do livro.

"A coloquei sentada em cima da mesa da cozinha, suas pernas abertas fizeram a saia jeans subir ainda mais. Soltei seus cabelos permitindo que caíssem por seus ombros, sua boca inchada e vermelha de meus beijos estava aberta, tenho certeza esperando mais de minha boca na sua, mas obviamente isso não iria acontecer. Decidi que na cozinha o que fazemos? Comemos, iria degustar primeiramente a minha comida. Buscando na geladeira sorvete sabor abacaxi pesquei uma colher na gaveta, provei do sorvete- Hum delicioso, você deveria experimentar Juliet. Levei uma colher cheia do delicioso sorvete a sua boca em espera, então eu não dei para ela. -Seu merdinha, me de meu sorvete. Com pena da minha deusa sexy, levei a sua boca o delicioso sorvete, diretamente da minha...''

Ah não, falei sentada do balcão da cozinha, estava exatamente como o  personagem era descrito, mas eu odeio sorvete! Ele não se atreve...E foi, o bastardo me deu sorvete. Levando minha mão até seu pau endurecido, o massageei da maneira que sabia que ele amava, então dei um forte apertão. -Cadela! Me xingou com dor.

"Espalhei suas pernas abertas, levei o sorvete até sua boceta e provei da deliciosa sobremesa diretamente do meu alimento favorito, sua doce boceta. A chupei, lambi. Absorvi sua doçura misturada com a doçura do sorvete. Senti suas pernas apertarem em meus ombros, seus dedos puxando meu cabelo e o seu corpo estremecer, olhei para cima a tempo de ver minha menina gozando, como uma deusa ela fez mais uma vez meu coração parar."

-Ohh, eu certamente gosto dessa cena. Tenho certeza que sim Annie, e não posso dizer o quão apaixonado sou por essa cena também, seu gosto é fodidamente foda! Então ele me atacou, me chupou, me devorou. Meu orgasmo atravessou tão rapidamente que me deixou tonta. Quando finalmente abri meus olhos, Henrique estava encaixando seu membro deliciosamente duro e pronto na minha boceta. -Acho que não estava descrita no livro essa cena. Rindo maliciosamente percebi a caneta que mantinha na cozinha em suas mãos, ele rabiscava no livro! O desgraçado, meu livro! Oh Deus, não pare Henrique, mais forte amor, por favor mais forte. As súplicas saiam sem eu ao menos perceber, cheguei ao orgasmo pela segunda vez. Forte, duro e rápido, o melhor tipo de sexo. Enquanto controlava minha respiração e a obrigava a voltar ao normal, li o que o bastardo havia rabiscado: "Então ele a fodeu com força, como um homem louco e apaixonado que era.". Gosto de sua adaptação sabia amor? Ah é sorriu ele, irá gostar ainda mais se me acompanhar. Não tive nem mesmo tempo para responder, ele havia me jogado em seu ombro e subia a escada comigo carregada. Gritei e gargalhei pronta para mais um sexo fantástico.
LEIA MAIS